Uns e outros

Valter Israel da Silva

Êta mundo veio injusto
Cheio de desigualdade
Pra uns, tudo desde pequeno,
Pra outros, nada, não importa a idade.

Pra uns, carro importado,
Pra outros, não vendo fiado.
Pra uns condomínios de luxo,
Pra outros nada no bucho.

Pra uns a vida é uma novela
Pra outros é morar na favela.
Pra uns é luxo e requinte
Pra outros, o que comer no dia seguinte?

Pra uns é uísque importado e carrão
Pra outros, casas de papelão.
Que mundão de injustiça,
É o mundo capitalista.

Uns são brancos,
Outros são pretos.
Uns são do Sul,
Outros do Nordeste.

Uns são homens,
Outros são Mulheres.
Uns são maduros,
Outros são jovens.

Uns são chefes,
Outros são empregados.
Uns têm tudo,
Outros têm nada.

O que fazer com esta lambança
A não ser lutar por mudança?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.


*